» » A Casa de Pedra, na cidade de Serra – ES

A Casa de Pedra, na cidade de Serra – ES

postado em: Antigas, Destaques | 3

A Casa de Pedra, na cidade de Serra - ES

Buscando encontrar uma solução, em termos de espaço permanente para a exposição de seus trabalhos, Neusso começou, em 1990, a construir aquela que se tornou a "Casa de Pedra", que é um misto de galeria de arte, templo de paz e contemplação a residência do artista, que ali tem sua oficina de trabalho. Tanto no projeto como na construção Neusso trabalhou sozinho, edificando pedra sobre pedra, a sua obra que levou aproximadamente, dois anos para ser concluída. Para isso ele usou rochas recolhidas dos arrecifes na praia, próxima e junto aos morros do Balneário de Jacaraípe, onde reside no município da Serra. As pedras associou madeira rústica que utilizou para fazer o telhado e os poucos cômodos da casa, que durante muito tempo teve como piso a própria areia do mar que hoje tem artisticamente trabalhado um harmonioso mosaico feito com sobras de azulejo. O resultado foi uma construção que, pela sua originalidade e ambientação, passou a receber um constante e crescente fluxo de pessoas que vem admirar tanto as soluções arquitetônicas como suas originais esculturas e peças ali expostas. Entre os visitantes se incluem tanto crianças da pré-escola, quanto estudantes universitários das áreas de arquitetura, artes plásticas e pedagogia, com seus respectivos mestres que vem observar o trabalho do artista. A visitação de até duzentas pessoas por dia é não só representada por pessoas provenientes da Grande Vitória, mas também de vários estados e até mesmo de outros países, o que tornou a "Casa de Pedra" uma atração turística de Jacaraípe, balneário distante 30 minutos de Vitória, a capital do Espírito Santo. A razão desta freqüência a "Casa de Pedra" se deve muito ao seu ambiente que lembra a atmosfera de um templo sagrado, onde as pessoas se desligam dos problemas do seu dia a dia para comungar a paz e a tranqüilidade, em meio as belas obras; Natureza morta tornada Viva pelas mãos do artista. Concorre também para esta visitação o próprio Neusso, pessoa totalmente despojada e liberta dos valores e apegos que escravizam o ser humano neste fim de século.

O Artista

Neusso Ribeiro Farias nasceu em Mucurici, extremo norte do Espírito Santo,em 02 de julho de 1958, herdou do pai o dom de trabalhar na madeira e o conhecimento das essências florestais tão variadas na Mata Atlântica. Na sua infância assistiu ao início da devastação florestal do norte capixaba que começou com a extinção da madeira de lei pela ação das madeireiras da região.
Depois de ver tombar jacarandás, perobas,macanaíbas, jequitibás e outros gigantes da floresta, Neusso veria pecuaristas e agricultores chegarem para acabar com o que restara da cobertura florestal,substituindo a rica diversidade antes existente pela monotonia das pastagens e monoculturas.Esta memória da destruição da mata e da agressão aos seres da natureza certamente marcou a alma do artista, esse reflete hoje em suas obras. Ele parece querer através, de sua arte, devolver à vida aquilo que o homem, na sua insônia, acabou por transformar em carvão e cinzas.
Até os 15 anos, Neusso esteve numa fazenda em São Mateus, norte do Espírito Santo, vivendo do trabalho no campo.Esta vivência rural e sua natural identificação com tudo que se refere a natureza, o fazem um ser extremamente ligado à terra, à água, aos ventos, às plantas e aos animas. Por isso, ele fala com muita propriedade, a respeito das árvores, do clima, do solo, dos bichos, que ele parece conhecer em seus íntimos segredos.
Usando plenamente seus sentidos, ele pode perceber na mata, o cheiro da raposa que acabou de atravessar uma trilha, o neusso rastro do tamanduá no chão de folhas secas, como também identificar os pássaros pelo seu canto. Esta identificação com a natureza se reflete diretamente no seu jeito de ser e na sua maneira de viver exteriorizando na voz, nos gestos e no andar, uma constante e profunda comunhão com esta natureza que ele tanto ama. Isto se expressa, inclusiva, nas suas próprias reações a tudo que signifique agressão ou dano ao meio ambiente.
Neusso não tem ambições, não busca a fama nem a publicidade. Gosta mesmo da vida simples e sem programações, vivendo com o mínimo de recursos e de conforto, embora em meio a um valiosíssimo patrimônio representado pelo seu acervo artísitico.
Simples, comunicativo e bem humorado, esse artista de invulgar personalidade, recebe bem a todos que o procuram, nunca deixando de dar atenção a quem qer que seja.
Sem nada ter investido na divulgação do seu trabalho, é, cada vez mais reconhecido, já sendo requisitado para ensinar sua arte.

Rua Donaldison da Rocha Barros, S/N – Jacaraípe, 29.175-207 Serra

Contato: (27)3252-6029 / (27)99262-8663

E-mail: casadepedraneusso@gmail.com

3 Responses

  1. Saulo
    | Responder

    Obrigado.

  2. Vanesse
    | Responder

    Material interessante.

  3. Jean
    | Responder

    Muito bom site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6 + vinte =